Conheça o futuro: a regeneração da Geração Z

Assunto: |
Publicado em: 16 de dezembro de 2020
Joaquim Bontorin

Joaquim Bontorin

Tempo de Leitura : 6 minutos

O presente parece incerto. Como nós podemos saber o que nos aguarda amanhã? Vamos perguntas aos que já estão moldando o futuro: A Geração Z.


Em setembro, o Facebook lançou um Report de uma pesquisa própria realizada com pessoas da Geração Z, guiando os profissionais do Marketing nos desafios que os aguardam no futuro. Esse texto é uma tradução livre do artigo também publicado pela plataforma, com uma síntese do conteúdo contido previamente no Report. Você pode acessar o artigo em inglês clicando aqui.


Em 2020, pessoas abaixo de 25 anos correspondem a 41% da população mundial. Isso significa que a Geração Z não é apenas muito grande para ser ignorada – eles são literalmente o futuro. Para essa geração, a pandemia do Covid-19 atingiu um momento particularmente formativo, rompeu jornadas educacionais, oportunidades de carreira e mais. Ainda assim, muitos Gen Zs parecem estar resistindo de uma maneira que os deixa transformados, mais fortes – energizados sobre quem são, o que acreditam e o que os motivam.

Tenha os insights!

A Geração Z talvez seja a geração mais transformada pela pandemia. Focando primariamente nos Gen Zs dos 18 aos 24 anos, nós vamos explorar sua evolução contínua pelas lentes de identidade, advocacia, comunidade, comercio e resiliência – para ver como eles estão ativamente moldando o futuro para todos nós.

As comunidades se tornaram um espaço onde as pessoas podem ser elas mesma enquanto apoiam aos outros… na minha comunidade de freelancers no Facebook, nós compartilhamos oportunidades de jobs, aconselhamos e celebramos as conquistas de cada um.

Sahra-Isha

1. Identidade é um call to action

Quando perguntamos aos Gen Zs na Europa como eles se veem, talvez a descoberta mais surpreendente foi que eles são 2.4 vezes mais prováveis a se descreverem como introvertidos a extrovertidos.

Mas não se engane, – só porque a Geração Z prefere se comunicar através de seus smartphones em vez de pessoalmente, não significa que eles não estão no meio de uma mudança global.

O que significa ser a primeira geração de nativos digitais – ter crescido com seu dispositivo móvel como sua janela para o mundo? Os Gen Zs reconhecem o poder que vem com o acesso a tanta informação. Às vezes acham opressor, mas a maior parte do tempo apreciam o fato de que com um grande poder, vem uma grande responsabilidade. Isso se traduz em uma motivação para aprender constantemente – e uma obrigação de transformar o que se aprende em uma ação significativa. 

A grande maioria da Geração Z globalmente acredita que é importante desenvolver novas habilidades ao longo da vida (79%) e manter-se bem informado sobre as coisas (77%). Esse ano, o Coronavírus fechou muitas salas de aula presenciais, nós vimos seus os desejos de aprender mudar ainda mais para o digital, com um mercado crescente de educação on-line pelo mundo.

2. O ativismo aceita a todos

Muitos Gen Zs compartilhar a poderosa crença de que eles podem e vão mudar o mundo para melhor – quer isso signifique comprometer-se à justiça social, sustentabilidade ou outra causa. 

Nós vimos anteriormente que a Geração Z aceitam suas individualidades e complexidades, enxergando suas individualidades como uma qualidade que deveria ser refletida na mídia em volta. De fato, 71% dessa geração pesquisada globalmente gostaria de ver mais diversidade em propagandas. 

Nós também sabemos que a pandemia tem aumentado a paixão da Geração Z pela sustentabilidade: Globalmente, eles são 1,2 vezes mais prováveis que a maioria a dizer que tornou-se ainda mais importante reduzir o impacto ambiental. Na Europa, 61% da Gen Z diz ter se tornado mais interessado em ativismo e causas sociais desde o início da pandemia.

Através do Facebook e do Instagram, nós assistimos, desde Janeiro, pessoas de todas as idades ao redor do mundo arrecadar cerca de 100 milhões de dólares para fundos relacionados ao Coronavírus. Mas, pesquisando globalmente, a Geração Z foi mais provável a fazer suas primeiras doações quando comparada às outras gerações.

Porém, é importante notar que a Geração Z não planeja melhorar o mundo sozinha: Eles esperam que as marcas façam sua parte também. Dentre os Gen Zs pesquisados na Europa – até 69% no Reino Unido – esperam que as marcas deem publicidade às suas posições sobre questões sociais e políticas. E isso é mundialmente concordado, com 79% sendo que esta se tornando mais importante para as empresas a se comportarem sustentavelmente.

3. Comunidade é um sentimento

Assim como a Geração Z está voltada para o comportamento de marcas, ela está também estão dando uma nova cara à comunidade. As próprias palavras dessa geração revelam que comunidade parece com casa, como aceitação e pertencimento. Mas não procure por essa casa no mapa – para muitos, comunidade está cada vez mais digital e dispersa. 

O relacionamento da Geração Z com a comunidade pode, de primeira, parecer paradoxal. Caso em questão: 45% diz gostar de se destacar na multidão – com quase igual 41% dizendo que eles são influenciados pela opinião dos outros. Talvez a explicação seja que, enquanto a Gen Z possuem sua individualidade, também acreditam que são melhores juntos.

Com o começo da pandemia do COVID-19, a corrida para conectar-se online foi acelerada. De fato, 1 a cada 4 Gen Zs pesquisados na Europa diz que, desde o começo da pandemia, eles têm usado grupos e comunidades em mídias sociais com maior frequência para conectar-se aos outros. E nós podemos ver que comunidades online atendem a uma variedade de necessidades da Geração Z, tanto profissional quando pessoal.

Gen Zs estão continuamente mudando o futuro da comunidade, construindo em novos meios: participando de grupos online, seguindo hashtags, trocando mensagens e compartilhando histórias. Esses todos são métodos que nos contaram se sentirem mais conectados. 

4. Comércio demanda descoberta

O que importa à Geração Z na decisão de onde e qual marca comprar?

A geração que vê o consumo como uma expressão de seus valores se importa de comprar de uma marca que possam se orgulhar, mas também prezam a eficiência e conveniência. De fato, esperam que marcas apareçam onde estão, e gostam de que os produtos certos os encontrem.

O custo não é a única preocupação durante a compra, por exemplo, os Gen Zs do Reino Unido são menos prováveis a focar no preço e 1,4 vezes mais prováveis a dizer que pagariam a mais para um produto sustentável.

O desafio que essa primeira geração digital encontra é ter muitas opções, com 67% dos Gen Zs mundiais dizendo que existem opções demais online. A chave para abordar isso talvez seja facilitar a descoberta com personalização, se conectando através da personalização e emergindo valores de marca autênticos, profissionais de marketing podem efetivamente atrair a Geração Z e construir uma lealdade duradoura.

5. Resiliência requer adaptação

Muitos Gen Zs estão querendo fazer do mundo um lugar melhor – e frequentemente estão começando com suas próprias saúdes físicas e mentais. Trabalhando duramente quanto joga duramente, muitos da Geração Z também trazem autoconsciência, compaixão e momentos de cuidado próprio para suas jornadas de bem-estar. Para uns, isso pode significar experimentar atividades como meditação. Para outros, pode simplesmente significar dar a si próprios um chocolate ou vela.

Essa geração participa de uma larga gama de atividades para fazer seu tempo livre contar – desde cerebral até astucioso, de físico até o lúdico.

A capacidade de adaptação da Geração Z está sendo útil durante a pandemia do COVID-19, induzindo novas formas de conectar-se e novos interesses. Muitas dessas mudanças são capazes de durar. Globalmente, essa geração é mais provável que outras a dizer que vê a si mesmas aderindo a muitas das atividades que começou durante a pandemia, como por exemplo:

O que isso significa aos profissionais do marketing?

Represente a riqueza da Geração Z

Enquanto muitos Gen-Zs são unidos pelos valores compartilhados, eles também são a geração mais diversa. Para ressoar com essa próxima geração de consumidores, defenda essa diversidade em suas palavras, imagens, parcerias e outras ações de marca. Tudo comunica. 

Emita conexões com significado

Tanto quanto prezam sua individualidade, a Geração Z também quer se sentir compreendida e que pertencem à comunidades. Construa essa comunidade a encontrando onde está – por exemplo, em mensagens, stories ou grupos.

Conecte-se autenticamente 

Um desafio considerável para os profissionais de Marketing é que os Gen-Zs fazem suas decisões de compra baseadas em mais que apenas o valor e conveniência. Marcas que claramente defendem causas e autenticamente conectam-se a eles através de seus valores tendem a ressoar com maior poder.

Parcerias para o sucesso

Reflita a visão de mundo colaborativa da Geração Z ao desencadear o poder de parcerias você mesmo – com uma organização respeitada por essa geração ou que a compõe, os colocando para votar em um story no Instagram patrocinado a projetando juntos uma nova linha de produtos.

Marketing digital é com a JoB!

Se você está buscando uma agência que entregue um marketing de qualidade, chegou no lugar certo! Estamos preparados para te ajudar a chegar mais longe usando as melhores estratégias.

Vamos conversar?

Mais sobre:

Gostou? Compartilhe.

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest

Veja mais conteúdos que podem te interessar

Compartilhamos toda nossa expertise sem enrolação

23 de julho de 2020
Com uma proposta pedagógica diferenciada, a IEIJ encontrava algumas dificuldades para se apresentar ao mercado. Em parceria com a JoB,
15 de dezembro de 2020
Buscando entender com maior precisão quais são as expectativas dos consumidores em relação as marcas depois de um 2020 conturbado e cheio de reviravoltas,
12 de julho de 2020
Perdendo cada vez mais espaço e visibilidade no meio org}anico, pensar em uma nova estratégia para novos negócios é o melhor a se fazer.
16 de dezembro de 2020
O presente parece incerto. Como nós podemos saber o que nos aguarda amanhã? Vamos perguntas aos que já estão moldando o futuro: A Geração Z.
28 de agosto de 2020
Tudo que você precisa saber sobre o BNI Londrina e como avaliar se realmente vale a pena participar, além de outros itens.
17 de junho de 2020
O marketing é a chave para você impulsionar seu negócio, mas na maioria dos casos ele ainda é muito pouco explorado. É possível ir além de fazer propaganda, de entregar panfleto e de ter um site bem feito. Ele é o principal aliado das empresas que possuem visão a longo prazo. 
28 de abril de 2021
Em 3 meses aumentamos o número de leads da unidade de Londrina! Confira o trabalho feito pela JoB para triplicamos oportunidades de negócio.
6 de maio de 2020
Fique por dentro das sugestões de como adaptar as estratégias de marketing do seu negócio para superar essa época tão desafiadora e garantir bons resultados. 
30 de junho de 2021
Procurando maneiras do seu negócio ter resultados com o Inbound Marketing? Explicamos nesse artigo como funciona uma das ferramentas mais famosas no mercado do inbound,
23 de novembro de 2021
Você já ouviu falar sobre a automação de marketing? Se ainda é novidade para você ou ainda tem dúvidas quanto a efetividade do processo, continue lendo!

Empresas que decidiram
ir
mais longe!